Freud, a Gestapo e a Lava-Jato

Ao ler a carta de Léo Pinheiro, na qual afirma não ter sido coagido a nada na Lava-Jato, lembrei de um episódio antigo. Nas vésperas da 2ª Guerra Mundial, ao ser obrigado a se exilar na Inglaterra, Sigmund Freud precisou se submeter a várias exigências do governo nazista para sair de Viena, onde morava e … Continue lendo Freud, a Gestapo e a Lava-Jato