Crítica: Terror nacional que consegue fugir do óbvio

por Luiz Zanin Oricchio Mortos não falam. A não ser com Stênio, o plantonista do Instituto Médico-Legal interpretado por Daniel de Oliveira. O que os finados lhe dizem são confidências das mais tortuosas. Envolvem da intimidade de sua esposa, Odete (Fabiula Nascimento), a relações perigosas com gangues, polícias e milícias. O que se pode dizer … Continue lendo Crítica: Terror nacional que consegue fugir do óbvio